CNV

Click here to edit subtitle

Cinco Paes e Dois Peixinhos

Posted by BenneDen on November 7, 2017 at 11:30 AM

Cinco Pães e Dois Peixinhos - Texto Chave - João 6:5-11


Introdução

Queremos destacar a atitude de um jovem seguidor de Jesus, um jovem anônimo, diante de um grande desafio ao seu redor. O jovem seguidor de Jesus não exigiu algum reconhecimento por sua atitude de bondade. Porém, mesmo no anonimato, deixou seu belo exemplo registrado na historia do cristianismo, inspirando gerações e gerações.


O que você faria se tivesse diante de 5000 homens carentes de alimentação e sua provisão fosse apenas de cinco pães e dois peixinhos?

• Você percebe a multidão com seus problemas ao seu redor?

• Você percebe que a multidão precisa de alimento espiritual?

• O que você tem feito para solucionar ou minimizar esse problema?

• O que você tem feito com aquilo que você tem?

O cenário ao nosso redor faz parte de nossa história e diante dele há sempre algo a aprender e algo a fazer.



1- O Jovem Seguidor estava perto de Jesus (Seguidor/Comunhão)

O jovem seguidor estava perto de Jesus e escutou o que Jesus disse aos apóstolos.

Os seguidores de Jesus estão próximos Dele e os que estão próximos podem ouvir a voz suave do mestre.

Muitos não ouvem a voz do Senhor porque estão distantes de Deus, com seus ouvidos e corações voltados somente para interesses pessoais.


2- O Jovem Seguidor Percebeu, Compreendeu e se sensibilizou com os Fatos ao Seu Redor. (Percepção/Compreensão/Sensibilidade)

Viu, compreendeu e se comoveu com a situação.

O crente em Jesus Cristo deve ter a percepção, a compreensão e a sensibilidade/comoção de tudo que está acontecendo ao seu redor: a crise, os problemas, os desafios... porque “as pessoas e os acontecimentos ao nosso redor fazem parte de nossa história e diante deste cenário há sempre algo a aprender e algo a fazer”.


3- O Jovem Seguidor de Jesus pensou nos outros. (Amor)

Ele poderia muito bem pegar o seu lanchinho, assentar-se embaixo de uma árvore e saciar a sua fome, mas ele não foi egoísta, não pensou apenas em si mesmo.

Tudo o que temos provem de Deus e a Ele tudo pertence. Saiba que as pessoas e os acontecimentos ao nosso redor fazem parte de nossa história e diante deste cenário há sempre algo a aprender e algo a fazer”.

Pode ser que Deus tem colocado algo em suas mãos para ajudar outras pessoas, em momentos específicos, mas você não tem percebido isso e não tem repartido as bênçãos nas oportunidades que Deus tem lhe dado.

Jesus estava esperando os elementos do milagre.


4- O Jovem Seguidor de Jesus se apresentou (Prontidão de Servir/Atitude)

O rapaz apresentou-se disposto a colaborar com a solução daquele problema... Ele colocou tudo o que tinha nas mãos de Jesus para abençoar outras pessoas; ele confiou em Jesus...

É lógico que Jesus não precisa de nenhuma atitude nossa para realizar a sua vontade, mas pela sua infinita misericórdia Ele nos da à oportunidade de fazer parte dos seus grandes projetos e milagres.




Conclusão.

1) Aprendemos que é nossa responsabilidade perceber a multidão carente e necessitada ao nosso redor e termos a sensibilidade e compaixão de apresentarmos a Jesus a nossa colaboração e contribuição a fim de que sejamos participantes do milagre de Deus.


2) Aprendemos que aquilo que julgamos pouco ou pequeno, quando é entregue a Jesus, torna-se abundante e supre toda necessidade.

Quando colocamos a nossa vida e os nossos recursos à disposição do SENHOR, o pouco é tocado pelo poder do Altíssimo, daí grandes milagres e transformações acontecem pelo poder de Deus.


Jesus quer que tenhamos uma atitude semelhante diante dos desafios e problemas ao nosso redor porque as pessoas e os acontecimentos ao nosso redor fazem parte de nossa história e diante deste cenário há sempre algo a aprender e algo a fazer.


Categories: Mensagem de Domingo

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

1 Comment

Reply Guilherme Eduardo de Ara˙jo
5:58 PM on November 7, 2017 
Estou refletido bastante sobre esta pregašŃo